Porque Traders Inteligentes Com Bons Sistemas Falham

Você fez tudo o que deveria ter feito.

Estudou muito, leu vários livros sobre análise técnica e sobre a bolsa de valores. Entende a importância dos stops, sabe como desenvolver um sistema com expectativa positiva e conhece as melhores técnicas de position sizing.

Também escreve, revisa e organiza todos os seus relatórios de trades como ninguém. E para completar, faz o dever de casa todos os dias ao conferir os gráficos das ações e anotar o que for importante.

Porém continua repetindo os mesmos erros de iniciante, perde dinheiro, se frustra e se pergunta:

WTF!? Tem algo de errado comigo!?

Sim! Tem algo errado com você!

E o que é?

Não sei e pode não ser assim tão simples de descobrir. Mas para não precisar declarar esse artigo como o mais inútil já escrito, explicarei uma das razões mais comuns pelas quais traders fracassam, e farei isso, obviamente, com uma historinha!

A História de Bluga, o Trader Mané

Era uma vez um magrelo com óculos bizarros chamado Bluga que, quando jovem, virou médico para cuidar de gente doente, gostou demais disso e trabalhou bastante até se aposentar.

A vida estava chata até o dia em que o mascote da gelatina Royal veio num sonho sugerindo que ele operasse na Bovespa. Como não tinha absolutamente mais nada para fazer além de ficar reclamando que não tinha mais nada pra fazer, nosso amigo decidiu se tornar um trader!

Como ele tinha se tornado um tiozinho muito rico, enviou um grande capital para a conta de uma corretora qualquer e estudou bastante. Bluga acreditava que seria um bom trader, afinal, se ele conseguiu se tornar um bom médico, provavelmente se daria bem nos mercados também.

Chega o dia do primeiro trade de Bluga!

Ele envia uma ordem para a compra de um lote de FEIO5, a ser executada assim que o preço passar de R$21. Porém lhe falta paciência, ele não espera o rompimento e compra o lote por R$20,67 mesmo. As ações ficam passeando pra cima e para baixo. Bluga faz preço médio e compra mais um lote, afinal…

Não há sentido em economizar numa operação tão promissora quanto esta, né?

Então o preço começa a cair, chegando perto de seu stop, colocado em 19,00 reais. Só uma correção temporária, ele continua racionalizando, o preço deve subir logo, vou afastar o stop um pouco para deixar minhas ações “respirarem”.

Uma semana depois Bluga vende tudo recebendo 16,28 por ação e decide se matar, porque… não sei, só queria terminar a história com um final trágico.

Porque o Trader Bluga REALMENTE Falhou?

Vamos analisar:

Ao perguntar para várias pessoas que se metem na bolsa de valores o que elas fazem profissionalmente, muitas delas responderão:

Eu sou um médico/dentista/engenheiro/empresário.

Esse é o perfil dos operadores, gente “bem sucedida” de meia idade, casados e com filhos.

Agora, existe algum problema nesse perfil? Às vezes. O que acontece é que essas pessoas trazem para os mercados o mesmo tipo de pensamento que fez com que elas se tornassem profissionais de “sucesso”. E como no mercado financeiro, psicologicamente, tudo funciona ao contrário, eles terão problemas.

Um desses problemas é a falta de disciplina ao seguir um sistema. E de onde vem essa falta de disciplina? Pode vir de diversas fontes diferentes, citarei duas das mais comuns, a da historinha e uma de bônus:

Começando pelo tiozinho do exemplo, ele é um médico, e a medicina muda o tempo todo. Só que a especulação não muda porque as pessoas não mudam, não existem avanços tecnológicos na área. Porém gente doente não se trata hoje da mesma forma em que se tratava a 100 anos atrás, mas muitos especuladores operam exatamente da mesma forma em que seus antepassados especulavam a 200 anos atrás. Quem não sabe disso, desenvolve crenças conflitantes.

Dois lados da força…

O Bluga, sendo um bom médico, deve ter feito descobertas, inventado coisas novas em sua área. Ele foi “criativo”, mas como nos mercados as coisas não mudam, não há motivo para tentar “pensar fora da caixa”. Bluga não sabe disso, o instinto de “inventar” faz parte dele porque foi útil em sua carreira original. Por isso ele pode pensar:

Pra quê não deixar meu stop um pouco mais solto? Só porque está escrito num livro? E se esse livro estiver errado? Deve estar, foi escrito em 1927!

Viu como é? Acho que deu pra entender…

A segunda causa do fracasso tem sua origem no excesso de liberdade que os mercados oferecem.

É assim: as pessoas estão acostumadas a viver sob regras, regulamentos e ordens, mas no mercado não tem nada disso. É você quem decide quando e quanto, comprar ou vender. A escolha de componentes para um sistema também é só sua. Mas quando chega a hora de operar, outro conflito aparece:

Seres humanos querem ser livres e os mercados oferecem essa liberdade, mas para ter sucesso você precisa sacrificar um pouco dessa liberdade e permitir que suas escolhas sejam reguladas por regras. Com isso, inconscientemente, você poderá resistir!

Você quer ser livre, sem restrições, ter horários flexíveis, não ser obrigado a aguentar ninguém te enchendo ou empurrando ordens. Mas como não dá para ter tudo isso no mercado, sua ideia de liberdade é ameaçada, a não ser que você esteja disposto a sacrificar o seu dinheiro por essa liberdade momentânea. Como a escolha não é consciente, é isso o que acontece…

O Que Fazer Para Ter Sucesso Real na Bolsa de Valores

Parece muito mais perto do que realmente é…

O primeiro passo é ter consciência do que se passa. Fica muito mas fácil quando você entende o que está acontecendo e o porque de estar acontecendo. Em alguns casos mais leves, só de ter conhecimento do problema e aplicar um pouquinho de disciplina, é possível se livrar da encrenca.

Para ajudar na “recuperação”, sugiro um “truque” que costuma funcionar bem. Basta pensar na taxa de amostragem do seu sistema em vez do dinheiro ou do resultado de um trade específico. Funciona assim, ao criar o seu sistema, você terá uma ideia do que esperar. Sempre que fugir desse sistema e fizer algo idiota, você estará dificultando sua utilização e a perda não será apenas monetária.

Quando tudo acabar, como você registrará os números da operação na qual você c*agou?

A única forma de passar a borracha no erro seria pegar mais dinheiro, só que se você não tiver dinheiro guardado, não será possível ignorar o resultado do. Ele precisará se juntar aos outros relatórios de operações. Se um dia você precisar desses relatórios para alguma coisa, lá estará aquela mancha nojenta de sua cagada. Mesmo se você teve dinheiro para encobrir o erro, a mancha ficará na sua consciência.

Mas essa é a parte fácil, porque se você desrespeitou suas próprias regras antes, nada impede que você as ignore depois, afinal, suas estatísticas já estão zoadas. A cada trade turbulento, sua confiança no sistema, e em si mesmo como trader, irá diminuir, e eventualmente no final, você perderá. Por isso pense em não estragar sua taxa de amostragem, na hora em que quiser fazer preço médio ou dar mais “espaço” para uma ação, imagine o efeito da atitude no futuro e não faça o que não deve ser feito.

E você? Já passou por algo assim?

Se você perguntar para pessoas que tentam operar na bolsa de valores o que elas fazem profissionalmente, uma enorme parte delas irá responder: “Eu sou um médico/engenheiro/micro-empresário”. Uma boa parcela dos interessados no mercado de ações são profissionais de meia idade “bem-sucedidos”, casados e com filhos, esse é o perfil típico. Tá, mas qual é o problema disso? Simples, essas pessoas trazem para os mercados o mesmo tipo de pensamento que fez com que eles se tornassem “bem-sucedidos” em suas profissões originais. E sabemos que no mercado financeiro, psicologicamente, tudo funciona ao contrário.


Descubra Como Conquistar a Sua Independência Financeira Em Apenas 10 Anos Investindo Só R$200 Por Mês!

Você vai descobrir...

  • Porque as maneiras mais populares de se atingir a independência financeira só estão fazendo você perder tempo (e oportunidades).

  • Quanto tempo você realmente tende a levar para atingir a sua independência financeira.

  • Porque a bolsa de valores pode acelerar a sua acumulação de capital em mais de 2x com toda a segurança do mundo.

  • O quê fazer para conquistar os seus objetivos da maneira mais rápida, fácil e simples possível.


4 Comentários Porque Traders Inteligentes Com Bons Sistemas Falham

  1. Marco

    Corretissimo!

    Mas eu queria falar mais uma coisa…
    Quando seu Trade System é bom, voce é diciplinado mas mesmo assim perde!
    Isso pode ser simplismente a maldita estatistica em ação!
    Veja um exemplo tosco mas estatisticamente possivel.

    Voce tem um Trade System que da 70% de acerto, voce faz 30 trades e nao é que são 30 trades Negativos?!?!?!?

    Poís é! Ai nesse estágio voce já deve estar com o cerebro fundido!

    Mas se voce continuasse, por exemplo, até o 100° trade veria depois que foram 30 trades iniciais negativos e os outros 70 positivos!

    A questão é:
    Existe ser humano que com um trade system testado e tal com 70% de prob positiva ficar tranquilo depois de INCRIVEIS 30 trades negativos em sequencia??? Isso claro se sobrar algum $$$ hehe

    Abraços

    Responder
    1. Hugo

      Possível é, mas talvez seja mais fácil ser atropelado por um balão do que errar 30 trades seguidos e então acertar 70 seguidos O_O

      Mas se você tiver um bom position sizing, o estrago nem será tão supremo. Se no seu sistema você aposta 2% no primeiro trade e perde 2%, no próximo você arrisca menos, tipo 1,75%, e aí vai até quando começar a ganhar, quando isso acontecer aí você aumenta o position sizing. O tosco é que, perdendo, chegará uma hora em que o sistema te mandará comprar 1 ação no fracionário hehehehe. Então nem seria um problema tão grande, já que em cada trade você perderia menos. Seria possível diminuir bastante o fator destruição.

      E também não é sempre que você perde EXATAMENTE quanto apostou, pelo menos com sistemas trend-following, na maioria das vezes você perde menos, às vezes mais, mas normalmente menos.

      Ah, e não, nenhum trader aguentaria 30 trades perdedores seguidos, mesmo porque se a estratégia dele não está mais funcionando, ele deveria ter criado um sistema que se adaptasse às condições, tipo, a cada X falsos rompimentos, trocar para um sistema counter-trend (não sei como fazer isso ainda, talvez não seja estatísticamente viável, talvez seja, sei lá). Se funcionar, seria melhor do que justificar com as probabilidades, e perder dinheiro 😛

      Flw

      Responder
  2. Paulo Nogueira

    Bom, excelente post.
    O único problema que vejo nos setups desenvolvidos é que eles se baseiam sempre em uma janela amostral, por exemplo, um ano.
    Você vai lá, baixa 12 meses de dados do seu ativo preferido e estabelece um sistema simples (gosto desses, são eficientes) e começa a operar.

    Tudo vai muito bem até que depois de 3 meses você começa a se perguntar: será que meu modelo já não está vencido? Obviamente os parâmetros escolhidos, por exemplo 22 dias pra uma média móvel qualquer, podem não ser mais tão robustos depois de um tempo. O comportamento do ativo, ou mesmo do mercado, pode mudar… sei lá.

    Não vejo isso como insegurança do trader. Vejo como um problema inerente do “jogo”. Pra mim é uma das partes mais difíceis.
    Está mesmo na hora de uma atualização do sistema ou é só apenas a minha mente perversa tentando me convencer a fazer as cagadas que vocês descreveu no post acima?

    abraços
    Paulo

    Responder
    1. Hugo

      Interessante, estava pensando em escrever algo sobre o assunto para essa semana.

      A idéia principal é, como existem vários tipos de mercado: lateral doidão, lateral quietinho, baixista doidão e quietinho e altista doidão e quietinho (nomes mais alegres para “volatilidade” hehehe), alguns sistemas, setups, whatever, funcionarão melhor num certo tipo de mercado e em outro, nem tanto.

      Logo, o que acontece é: se o sistema for SÓLIDO, ele NÃO deixará de funcionar. Só que em alguns mercados ele apresentará resultados porcos. Logo, o jeito é se proteger com uma técnica de position sizing variável (farei um post disso também).

      Agora se do nada o sistema PARAR de funcionar, isso significa que ele foi mal feito desde o começo e você deu sorte, aí tem alguma coisa errada em seus “fundamentos” por assim dizer. Ou então só no position sizing mesmo…

      Mas ainda vou amadurecer mais as idéias para os posts 🙂

      Abraço,

      Hugo

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *