Como Sobrevivi a Minha Segunda Cagada na Bolsa de Valores

Depois da minha primeira cagada, a minha segunda cagada na Bovespa foi em dose dupla, foram dois erros realmente ridículos, de principiante bem n00b e, como diria Jesse Livermore:

Tenho quase vontade de virar minha cara pro lado pelo constrangimento, talvez eu me mate por causa disso.

Tá, não chega a tanto mais foi ruim sim.

Antes de começar aviso novamente que como perdi meus relatórios de operações antigos, não posso postar gráficos dos trades e como não lembro da parte de análise técnica, tive de chutar os valores.

Mas como nem tem muito o que explicar e menos ainda para entender, a falta disso tudo não será um problema. 😀

Homem que é homem…

A idéia do trade era simples, eu compraria no suporte e venderia na resistência como qualquer bom counter-trend trader faria.

A ação era a AMBV4. Ela tinha acabado de ultrapassar uma forte resistência que, ao virar suporte, se tornou o meu ponto de compra, que seria por volta de 50 reais.

Do ponto de vista técnico, uma ótima oportunidade. Mas como meu capital ainda era vergonhosamente medíocre, meu problema com os stops continuava. Eles precisavam ser curtos demais.

Yeah nóis di novú! Não usem stop-loss garotos ;D

No dia anterior, escrevi um completo, detalhado e inútil relatório para me preparar.

Quando a Bovespa abriu no dia seguinte, comprei a AMBV4 exatamente no desejado, ou seja, por volta de 50 reais. Coloquei meu stop míseros 10 centavos abaixo (em 40,90) e esperei.

Como na primeira operação, o papel sambou um pouquinho e despencou. Conforme meu trade chegava cada vez mais perto do seu carrasco stop-loss, comecei a me sentir desconfortável.

Do nada, pensamentos bobos passavam pela minha cabeça:

Putz, eu coloquei esse stop perto demais.

Cara, você fez merda, conserte o erro, afaste o stop só um pouquinho.

Então decidi ouvir a voz de minha ignorância e cometi o crime hediondo de mover o stop mais de 10 centavos abaixo do ponto original. Na hora, 10 centavos pareciam pouco, só que meu risco original era de 10 centavos! Se fosse stopado, perderia o DOBRO do que deveria perder!

E adivinha o que aconteceu?

Fui stopado!

Coisas de Família


Depois de me sentir como um idiota, completei meu relatório, estudei meu erro, e aprendi com ele. Prometi que de minha parte, a Bovespa nunca mais veria um erro daqueles, pelo menos não um que fosse exatamente igual.

Mas, como escrito em Memórias de um Operador da Bolsa: “é difícil repetir os mesmos erros mas é realmente muito fácil, cometer os irmãos e primos do erro original”. E era exatamente isso que eu estava prestes a experenciar. Igual ao livro que já tinha lido duas vezes.

O próximo trade, ainda counter-trading, seria na ação CMIG4.

Na época eu ainda estudava análise fundamentalista porque era divertido, e como a CMIG4 estava atraente também pelo ponto de vista técnico, não pensei duas vezes em operá-la. O esquema do trade era igual. Deveria comprar no suporte e vender numa futura resistência.

Rapidamente enviei minha ordem de compra e esperei enquanto comia pipoca e tomava suquinho (tá, não teve nada disso, mas teria sido legal :D).

Foi aí que aconteceu a coisa mais estranha que tinha visto na Bovespa até aquele ponto.

Assim que comprei a ação, ela “atingiu” meu stop! O preço das minhas ações, compradas no mercado fracionário, caiu uns 20 centavos de uma vez. Mas foi tão rápido, mas tão rápido que eu não tive tempo de colocar o stop!

Logo depois a ação voltou para o preço de compra. Fiquei olhando aquela cena esquisita por alguns segundos quando uma irresistível vontade de fazer merda tomou conta de mim.

Em vez de sair correndo, decidi afastar o stop novamente!

Pensei:

O mercado está agitadinho hoje, melhor dar um espaço.

Só que então a ação começou a subir, pela primeira vez! O que foi mágicow \o/. Ficou lá por um tempo até cair com tudo. Fui stopado de verdade apenas para ver a CMIG4 disparar logo depois.

Sabe a expressão “vender no fundo”?

Então, a negociação mais baixa daquela ação pelas próximas DUAS SEMANAS tinha sido a minha!

Isso sim foi constrangedor 🙁

Obedeça as Regras!


Essa dupla e patética experiência teve o seu lado positivo, pois eu finalmente aprendi uma grande lição da especulação na bolsa de valores:

Nunca mexa nos stops!

Sério, tudo isso pra aprender algo que eu já “sabia”.

É incrível como as pessoas fazem as coisas erradas, SABENDO que estão fazendo as coisas erradas, e param apenas quando acontece o inevitável.

Frases como: “Não coloque o dedo na tomada” ou “Não coma esta lesma azul brilhante!” parecem ter efeito apenas quando o infeliz leva um enorme choque ou é internado em estado grave na UTI por comer 30 lesmas azuis brilhantes venenosas!

Minhas primeiras operações na Bovespa correram da mesma forma. Eu tinha lido bastante, eu “sabia” bastante, mas mesmo assim, precisava tirar a conclusão por mim mesmo antes de fazer qualquer coisa.

Pois é, aparentemente aqueles traders milionários, bem sucedidos e muito mais experientes do que eu estavam novamente certos!

Que coisa, não?

Portanto fica aí a dica que vocês já estão cansados de ouvir mas que às vezes demora para entrar:

Não mova seu stop do lugar original se a operação estiver vindo contra você! Quem faz isso está desrespeitando o Senhor Mercado, e adivinhem o que ele faz com quem o desrespeita? Ele te dá fortes palmadas na bunda para aprender a lição.

E acreditem: dói, mas funciona.



Veja Como Conquistar a Independência Financeira Em Apenas 10 Anos Investindo Só R$200 Por Mês!


Você vai descobrir...

  • Porque as maneiras populares de se investir só estão fazendo você perder tempo (e oportunidades).

  • Quanto tempo você realmente tende a levar para atingir a sua independência financeira.

  • Como a bolsa de valores pode acelerar a sua acumulação de capital em mais de 2x com segurança.

  • O quê fazer para conquistar os seus objetivos da maneira mais rápida, fácil e simples possível.


6 Comentários Como Sobrevivi a Minha Segunda Cagada na Bolsa de Valores

  1. luciano

    hoje fiz a maior cagada da bolsa comprei um lote de 1000 ações a 3,99
    resolvi vender a 4.00 R$
    só que digitei o numero 4 e mandei , a ordem realizou a 0,04 perdi tudo , alguém ai fez essa cagada ? teria como extornar?

    Responder
  2. Paulo Nogueira

    Luciano,
    em qual corretora você está operando?
    Isso que você citou é um pouco estranho. Acho que quando é enviada uma ordem assim ela é executada imediatamente mas pelo preço da oferta mais barata de compra, a primeira na fila de execuções.
    Você verificou se foi executada a 0,04 mesmo? Qual foi a data e o papel?
    Olhou no gráfico pra ver se a mínima do dia foi mesmo essa oferta tua de 4 cents?
    estranho isso cara… 🙂

    Responder
  3. enioli

    Cara, sua história é uma comédia…quase morri de rir!!
    “quando uma irresistível vontade de fazer merda tomou conta de mim” Quem nunca viveu essa situação?? poucos contam,mas quase todos (senão todos!!) já viveram algo semelhante!!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *