Porque Dicas de Investimentos Costumam Ser Fatais

Se existe um jeito fácil de deixar de fazer alguma coisa importante, é pagando alguém para fazer essa coisa para você.

O investidor preguiçoso não quer saber de estudar análise fundamentalista ou então ler livros sobre o assunto.

Ele apenas quer comprar qualquer coisa para depois torcer para que ela se valorize, o que raramente acontece.

Quem compra ações sem nem pensar nas razões que o levaram a tomar essa decisão, sempre perde dinheiro, seja mais cedo ou mais tarde.

Depois que um investidor desse tipo entende que não adianta comprar ações aleatórias e torcer, ele decide pedir ajuda para os entendidos da área, como banqueiros, corretores e qualquer um que saiba o mínimo sobre a bolsa de valores.

E aí está o perigo.

Aqueles que sabem muito pouco sobre os mercados provavelmente não tem o conhecimento necessário para espalharem dicas de investimentos que sejam bons. Eles podem até dizer que a ação X irá subir muito no dia Y porque a diretoria aprovou um novo pacote de investimentos ou algo do tipo.

Mas como eles apenas ouviram falar, não tem certeza, a não ser que fossem da diretoria da própria empresa. Só que operar ações baseando-se em informações assim é crime. Isso é conhecido como “insider trading” e em países sérios, os investidores criminosos são presos.

Logo, não adianta confiar em pessoas “de dicas” mesmo se eles forem seus amigos porque provavelmente eles estão errados e apenas passando por aquela história do telefone sem fio. Ou seja, eles podem ter ouvido algo totalmente errado e distorcido da realidade.

Agora o banqueiro.

Nunca confie em uma pessoa que tem algo a ganhar ao te dar conselhos. Se o banqueiro quiser te vender um investimento, obviamente ele irá te dizer que o que ele vende é o melhor. Afinal, ele receberá uma comissão ao te vender esse investimento.

E é claro, com o corretor da bolsa de valores a história é exatamente a mesma. Um corretor ganha pelas comissões. Na verdade o trabalho de muitos corretores é o de comprar e vender ações para clientes bobos, tentando perder o mínimo possível de dinheiro do cliente, apenas para gerar comissões.

E o cliente, seguro que está sendo cuidado por “profissionais”, acaba não ganhando dinheiro nenhum na bolsa de valores e se por um milagre ganhar, provavelmente precisará usar o dinheiro para pagar as comissões dos corretores.

Portanto, esqueça as dicas de investimentos de pessoas conhecidas que não possuem o conhecimento adequado ou parecem querer fazer “insider trading”. Também ignore conselhos e palpites de pessoas que tem algo a ganhar se você concordar com elas. Nessa categoria entram banqueiros, corretores, vendedores de softwares de trading e etc.

Apenas estude por conta própria, faça sua própria lição de casa, pense por si mesmo, faça os seus investimentos sem ouvir a opinião de terceiros ignorantes e boa sorte. Apesar de que fazendo isso, você não irá precisar de sorte 😉



Descubra Como Conquistar a Sua Independência Financeira Em Apenas 10 Anos Investindo Só R$200 Por Mês!

Você vai descobrir...

  • Porque as maneiras mais populares de se atingir a independência financeira só estão fazendo você perder tempo (e oportunidades).

  • Quanto tempo você realmente tende a levar para atingir a sua independência financeira.

  • Porque a bolsa de valores pode acelerar a sua acumulação de capital em mais de 2x com toda a segurança do mundo.

  • O quê fazer para conquistar os seus objetivos da maneira mais rápida, fácil e simples possível.


2 Comentários Porque Dicas de Investimentos Costumam Ser Fatais

  1. Leonardo

    Eu estou pensando seriamente em mudar meu plano na XP. É o plano private, que me dá direito a um assessor. Mas um sujeito pobre como eu com “assessor” é piada, sem contar que a taxa de corretagem fica 200% mais cara e a taxa de custódia dobra!

    Vale lembrar que a crise imobiliária nos EUA também se deu porque as corretoras começaram a empurrar títulos do subprime para seus clientes, mesmo quando a coisa começou a ficar feia. Por isso que é sempre bom estudar e nunca confiar cegamente nos assessores.

    Responder
    1. Hugo Teixeira

      Bobagem esses planos. Mesmo se fosse rico os tais assessores normalmente são corretores sem noção das coisas. É perda de tempo e dinheiro. 😉

      Um filme bom sobre a crise (de 2007 na verdade) é o margin call. Único filme decente sobre wall street.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *