Porque Fazer Swing Trades na Bolsa Pode Valer MUITO a Pena

Se tem uma coisa que vale muito a pena quando você começa a investir, é dedicar algum tempo aos swing trades.

Eles são mais fáceis que os day trades, levam muito menos tempo do que os position trades e com isso, você consegue ganhar muito mais experiência em bem menos tempo.

Outra vantagem é a liberdade que você tem com eles.

Contanto que você esteja de olho na abertura e mantenha os seus stops no lugar, serão raras as vezes nas quais você poderá ter problemas com os seus trades (sendo o dia 18/05/2017 uma dessas vezes).

Então esse tipo de modalidade oferece muito para o trader que não quer esperar anos para terminar um trader e nem quer ficar grudado na frente do computador.

Olha só um exemplo…

O Dia Em Que Eu Ganhei 11% Sem Fazer Nada

Foi quase isso…

Recentemente tive o prazer de fazer um swing trade num repique da ação CSNA3.

Estava esperando para entrar comprado num rompimento da tendência de qued… errr, despencamento, o que aconteceu, entrei, coloquei meu stop móvel e saí pra academia, fiquei lá pensando um pouco na minha operação na bolsa de valores e depois esqueci.

Ao voltar para casa, tadáááá, retorno no papel de 11% sem fazer praticamente nada, e, considerando o risco de menos de 2% dá pra considerar um trade muito bem sucedido até o momento.

No dia seguinte infelizmente o papel perdeu força, fui stopado um pouco abaixo da Linha de Tendência de Alta mas saí com um lucro legal de 9%, e considerando que foi um swing-trade curtíssimo em vez de um day-trade, eu não precisei pagar tanto IR.

Não ter pego todos os 11% ou ter de pagar IR não anulam o fato de que foi possível ter um retorno muito bom enquanto eu estava na academia, ou seja, esforço mínimo, ok, é óbvio que tais situações são raras, mas nesses dias em que a bolsa de valores está doida, até que acontecem com certa frequência, só precisamos manter os olhos abertos.

Em dias normais provavelmente o swing levaria mais de 2 dias, talvez até uma semana, mas isso também não muda o fato de que você não precisa fazer nada além de ocasionalmente conferir seu stop enquanto a operação está em andamento, o que é muito fácil de se fazer.

Os Swing Trades Podem Deixar o Seu Dia Mais Fácil

Eu realmente não acredito que exista uma forma de se especular na bolsa de valores que seja mais prática do que swing trades.

Você pode iniciá-los em casa e depois de colocar seu stop, de preferência móvel já que você não estará acompanhando, pode sair e fazer o que quiser, e mesmo que a vontade de acompanhar a operação seja mais forte, também é possível estar de olho no mercado usando um sistema de operações num celular, que funciona até num desses mais simples, e se você tiver como adquirir um Android decente ou iPhone fica ainda mais fácil, porque terá mais facilidade e rapidez.

No caso dessas plataformas de celular que as próprias corretoras oferecem, com uma taxa mensal você garante a liberdade de operar em qualquer lugar do país, além disso, usando um sistema de trading baseado em resistências, suportes e volume, até os gráficos se tornam superficiais, pode-se operar utilizando apenas os preços de abertura, fechamento, máximos, mínimos e o volume.

Você também poderia usar um notebook com um daqueles sistemas de internet conectados por uma porta USB, tudo bem que ficar passeando por aí com um notebook infelizmente afeta um pouco a mobilidade, mas é muito melhor do que ficar em casa grudado no monitor.

Nossa, como isso é legal hein? Mas também podemos fazer position trades né?

Sim, é verdade, porém aí já me parece chutar o balde, a não ser que você esteja num position extremamente vertical (o que até que foi muito comum nesse mercado altista que passou) não acho inteligente alguém ficar por aí passeando enquanto assiste seu papel passear, simplesmente porque deve ser chato demais.

Position trades são mais comuns para grandes especuladores, fundos hedge e mútuos com muito capital (que poderiam ter graves problemas com liquidez se negociassem num prazo muito curto) ou para aqueles que não tem tempo para nada. Mas traders profissionais com capital “normal”, fazer apenas positions simplesmente para terem ainda mais tempo livre me parece ser exagero.

Por isso acredito que a utilização combinada de swing trades e stop móveis é o que há de melhor e mais prático no mundo especulativo da bolsa de valores, simplesmente porque oferece o melhor custo-benefício, mais dinheiro em menos tempo, e com pouco esforço, mas não tão pouco a ponto de você correr o risco de se tornar um trader morto de tédio que comete o “crime” do overtrade.

Existem Também Alguns Pontos Negativos…

Contanto que não fique assim tá ótimo!

Não ficando assim está ótimo!

Mas tudo bem, nem tudo são flores com swings.

Essas operações não são tão simples na prática como parecem. Para ter liberdade e flexibilidade são necessários recursos e controle emocional.

Primeiro porque é necessário ter um capital grande o suficiente que justifique o investimento num notebook ou em um aparelho celular que proporcione tais vantagens, o que no caso do celular pode passar de 2 mil reais, e no notebook, de 3, e pra quem tem uma conta de 10 ou 15 mil, gastar 2 ou 3 mil em qualquer coisa parece ser uma ideia extremamente idiota e auto-destrutiva, aconselho não gastar mais nesse tipo de coisa do que 2% da conta, como se a despesa tivesse sido um prejuízo de uma operação stopada logo de cara.

O segundo ponto importante é que é fundamental ter uma mente equilibrada para poder desfrutar de tais benefícios sem ficar olhando cotações a cada 5 minutos. Tais colocações são óbvias mas infelizmente tem gente que não consegue se controlar e acaba se arrependendo amargamente depois.

Se você já for um day-trader ruim, provavelmente será um péssimo swing trader também, e vice-versa, porém se já consegue operar ações da bolsa de valores diariamente de uma forma rentável e estável e estiver procurando mais tempo e liberdade em sua vida, e conseguir operar swings bem, ao longo do dia sobrará tempo que pode ser dedicado a coisas mais significativas e importantes.

Tal liberdade só promete benefícios e uma vida melhor e menos extressante, a não ser que você não tenha absolutamente mais nada pra fazer e acabe se torturando de tédio, mas em tal caso sempre dá pra voltar ao bom, velho e excitante, day trading.

E você? Gosta dos swing trades ou sua praia é mesmo os position ou day-trades? Porque? Opine!



Descubra Como Conquistar a Sua Independência Financeira Em Apenas 10 Anos Investindo Só R$200 Por Mês!

Você vai descobrir...

  • Porque as maneiras mais populares de se atingir a independência financeira só estão fazendo você perder tempo (e oportunidades).

  • Quanto tempo você realmente tende a levar para atingir a sua independência financeira.

  • Porque a bolsa de valores pode acelerar a sua acumulação de capital em mais de 2x com toda a segurança do mundo.

  • O quê fazer para conquistar os seus objetivos da maneira mais rápida, fácil e simples possível.


4 Comentários Porque Fazer Swing Trades na Bolsa Pode Valer MUITO a Pena

  1. Eduardo Rocha

    Hehee, legal esse tópico.
    Bem do inicio do blog. Da pra ver que voce ainda tava ganhando a sua identidade escrita. E da pra ver tambem que voce é bem mais ‘claro’ quanto as operacoes e numeros que alcançava.
    Vou tentar ler todos os post do senhormercado, e ver se me dar vontade de escrever tambem!
    Valeu Hugo!

    1. Hugo

      Verdade Eduardo, mas eu era meio retardado na época. Acho que não usei nada de position sizing e saí de casa com um stop fixo porque não sabia operar um móvel. Mas mesmo assim os conceitos são verdadeiros 😀

  2. Mário Araki Ramos

    Boa tarde Hugo,
    Vi a sua idéia em relação ao Swing Trade. Quero pedir um favor, por gentileza. Irei comprar um livro no mês que vem, que se chama É só Isso? – Marcio Noronha..É referente a Análise Técnica. Tenha uma carteria em aberto na corretora Ágora, e quero praticar investimentos através do Swing TRade, depois que eu estudar o livro e treinar um pouco. Da qual eu vi de que vc se sai bem em operações deste tipo, vc pode me dar uma ajuda, uma orientação de como estudar referente a este aspecto..Não tenho dinheiro suficiente para bancar um curso. Se o senhor tiver alguma opç~~ao de pdf, ou videos-aulas de como vc faz, agradeço imensamente..

    me chamo Mário Ramos, tenho 29 anos, sou de SP..
    Aguardo um contato..

    Obrigado..

    Att,

    1. Hugo

      Oi Mário,

      Honestamente os meus “swing-trades” hoje em dia são assim:

      Se o trade funcionou, é um position trade, se deu errado, é um swing trade. Eu não estudei nada específico para os swings e tudo que encontrei sobre o assunto era ruim. Agora, swing trades costumam ter alvos, o que é meio chato. Além disso, a frequência costuma ser alta, afinal, são trades de curto prazo.

      Só que nada disso adianta porque você falou que não tem grana para um curso. E se você não tem grana para um curso, provavelmente não tem muito para operar. Logo, a idéia de fazer swings não é boa porque os custos seriam altos demais e, a não ser que você queira perder dinheiro, as taxas de corretagem acabariam com tudo o que você tiver.

      Então junte mais dinheiro, opere com a corretora mais barata que encontrar e fique nos position trades. Não invente fazer trades curtos com pouca grana, é loucura!

      BTW, eu não conheço esse livro do Márcio Noronha, mas saiba que a maioria dos livros de AT, por si só, não te levarão a lugar algum. Leia Memórias de Um Operador da Bolsa, Trading in The Zone (Mark Douglas) e os posts sobre position sizing que eu escrevi. Esse é um bom começo.

      Abraço,
      Hugo

Os comentários estão fechados.